O contrato de Mini Índice é um dos ativos mais negociados pelos investidores da Bolsa de Valores. Por ter um valor mais atrativo em relação ao contrato cheio de Ibovespa e também pela possibilidade de ganhos expressivos, o mini índice chama a atenção de quem deseja ter uma boa rentabilidade na sua carteira de investimentos.

Ficou perdido com toda essa informação? Não se preocupe!

Neste artigo, iremos explicar tudo que você precisa saber sobre os contratos de mini índice. Continue a leitura!

Mas o que é a Bolsa de Valores?

Muita gente não sabe como investir na Bolsa de Valores. Então, antes de mais nada, é preciso entender melhor sobre esse assunto. 

A Bolsa de Valores é um ambiente de negociação de ações, títulos, contratos futuros e muito mais. Ela funciona como uma espécie de ponto de encontro entre investidores que querem vender ou comprar um ativo financeiro.

Por meio da B3 (Bolsa de Valores do Brasil) empresas que estão em busca de aumentar seu capital de investimento podem disponibilizar pequenas partes do seu negócio em forma de ações. Os investidores, por sua vez, podem comprar essas ações e se tornarem sócios dessas empresas. Uma das principais vantagens de ser um investidor da Bolsa de Valores, é poder gerar renda passiva com o seu investimento.

O que é Mercado Futuro

O Mercado de Ações não é único mercado dentro da Bolsa de Valores. Na B3, também é possível negociar fundos imobiliários, moedas, commodities e até mesmo o Índice Bovespa. Dentre os vários mercados da Bolsa, vamos falar agora especificamente do Mercado Futuro, que é onde são negociados os contratos futuros de Índice Bovespa e o Mini Índice.

O Mercado Futuro é um ambiente da Bolsa de Valores onde se negociam contratos de compra e venda de ativos financeiros para uma data futura. Os ativos negociados nesse mercado são:

  • Commodities (café, milho, etc)
  • Moedas (dólar, euro, etc)
  • Índices (índice bovespa, mini índice, etc)

Essas negociações podem ser feitas, para alguns ativos, em contratos cheios (maior valor financeiro) e os mini contratos(valor financeiro reduzido). Os mini contratos mais operados pelos investidores da B3 são os contratos de mini índice e mini dólar. Então, além do contrato futuro de Ibovespa, você também pode investir no mini contrato de índice bovespa, ou mini índice, como é mais conhecido.

Proteção do patrimônio

Investir no mercado futuro é uma forma de se proteger das oscilações do mercado financeiro. E para deixar isso bem claro, imagine a seguinte situação:

Um produtor precisa vender uma saca de milho daqui a 2 meses. Mas, devido às oscilações do mercado financeiro, não é possível prever qual será o preço da saca de milho nessa data. 

Então, o produtor vende um contrato futuro de milho na Bolsa de Valores que dá ao investidor o direito de vender a saca da commodity daqui a 2 meses pelo preço estipulado hoje. Se no contrato consta o valor de 150 reais pela saca de milho, quando chegar a data de vencimento do contrato, o produtor pode vender a saca por R$150, mesmo que o valor da saca esteja abaixo desse valor. Ou seja, ele consegue usar esse contrato futuro para ter previsibilidade nos valores de venda de seu produto.

Essa lógica é a mesma para quase todos os produtos negociados no mercado futuro. Em relação ao contrato futuro de Índice Bovespa e ao mini índice, essa proteção funciona de forma um pouco distinta, e vamos explicar logo abaixo o porquê.

O que é Índice Bovespa

O Índice Bovespa ou Ibovespa é uma carteira teórica que inclui as ações das principais empresas nacionais negociadas na Bolsa de Valores do Brasil.  O índice funciona como uma espécie de termômetro do mercado financeiro e, por isso, é um dos dados mais valiosos sobre o desempenho do mercado.

O Ibovespa é calculado a partir de uma pontuação diária, que leva em consideração as ações que compõem o índice. Nesse cálculo, é medido o peso que cada ação tem nessa carteira teórica e também a variação no preço das ações no dia. 

O peso de cada ação e de sua valorização diária são multiplicados e o resultado desta conta representa a pontuação total do Ibovespa. Cada ponto equivale a 1 real. Então, se a cotação do Ibovespa for de 205 pontos, esse valor em dinheiro será equivalente a R$205,00

Como investir no Ibovespa?

Talvez você se pergunte como investir no Ibovespa, já que muitas ações compõem esse índice. A resposta é que você não pode investir diretamente no Ibovespa, mas, como já explicamos lá em cima, é possível negociar um contrato futuro de Índice Bovespa.

De modo geral, o contrato futuro do Ibovespa é definido a partir da cotação que os investidores acreditam que o índice terá no futuro. Basicamente, garante um valor do índice ao investidor, independente das oscilações do mercado. 

Os contratos futuros são firmados para proteger os investidores e, quando se trata do Índice Bovespa, não é diferente. Por ser uma carteira composta pelas principais ações nacionais, geralmente, as suas oscilações do Ibovespa afetam e muito a carteira dos investidores da B3. 

Por isso, quando existe uma oscilação muito grande no Ibovespa, os investidores, que tem sua carteira afetada, podem operar vendido (quando você investe “na queda” de um ativo) contratos futuros de índice bovespa para equilibrarem as possíveis perdas de capital que essas oscilações provocam. Essa estratégia de proteção é conhecida como Hedge. 

O que é o Mini Índice

Como explicamos, o mini índice é um mini contrato de índice bovespa. Assim como o contrato futuro de índice bovespa, ele é negociado no Mercado Futuro como uma forma de proteger os investidores da B3. 

A diferença é que o mini índice tem um valor reduzido, o que o torna mais atrativo para a maioria dos investidores da Bolsa. Ele representa 20% do contrato cheio de Ibovespa. Ou seja, se cada ponto do contrato cheio equivale a 1 real, cada ponto do mini índice equivale a 20 centavos.

Além disso, o mini índice possui vencimento bimestral. Isso significa que as negociações são feitas se baseando na cotação que o mini índice poderá ter até dois meses depois da compra do contrato.

Como investir no Mini Índice?

Para investir no mini índice, você primeiro deve ter uma conta em uma corretora de investimentos e transferir seus recursos para negociar a compra ou a venda do contrato de mini índice. 

Você pode fazer essa operação em um Home Broker. Para isso, basta pesquisar pelo código do mini índice (WIN + a letra correspondente ao mês de vencimento + dois números que se referem ao ano do contrato) e enviar uma ordem de compra ou venda do contrato. As letras referentes aos meses de vencimento são:

  • Fevereiro – G
  • Abril – J
  • Junho – M
  • Agosto – Q
  • Outubro – V
  • Dezembro – Z

Então, se você quiser comprar um mini índice referente ao mês de fevereiro de 2021, o código fica WING21.

E aí, gostou desse artigo? Compartilhe na suas redes sociais para mais pessoas aprenderem sobre os contratos de mini índice!